Quero empreender mas não sei por onde começar

Confira algumas dicas e insights dos primeiros passos para quem deseja empreender.

Estamos vivendo um momento jamais visto antes na história da humanidade. A era da disruptura! Negócios antigos que funcionaram bem durante décadas, entregando produtos e serviços com uma satisfação razoável a seus usuários, estão sendo extintos ou sofrendo uma mudança radical em todo seu setor através da inovação e da tecnologia. Idéias e soluções disruptivas estão mudando mercados inteiros, assim como extinguindo-os. Exemplos práticos e fáceis de compreender são os modelos de negócio do Uber e do Airbnb.

Nesse contexto, abrir o próprio negócio não é tarefa simples e está cada vez mais arriscado tanto pela alta concorrência de empresas existentes, como por essas startups disruptivas que mudam a forma como consumimos e vivemos.

Se você deseja abrir o próprio negócio e não sabe em qual segmento ou por onde começar, a primeira pergunta que se deve fazer é: Esse negócio, produto ou serviço, resolve o problema de alguém? Veja, não estamos falando de problemas como fome por exemplo. O que mais tem no mercado são empresas de alimentação e ser mais uma talvez não seja interessante. Resolver um problema significa entregar uma solução que até o momento não existia ou não está satisfazendo plenamente um determinado público ou nicho de mercado.

Assim, existem várias maneiras de encontrar insights para o seu negócio. Buscar por setores que estão em alta e estão mal atendidos é um bom começo.

Definindo um segmento, a segunda pergunta que você deve se fazer é: eu tenho o conhecimento e as habilidades necessárias para entrar nesse mercado? Todo negócio tem os seus segredos, assim como o mercado em que atua. Uma boa opção nesse caso é investir em uma franquia. Os riscos diminuem consideravelmente e as franquias apresentam muitas vantagens como um modelo de negócio testado e aprovado, know how do franqueador, facilidade de implementação uma vez que tudo já vem pensado e facilitado, entre outras.

Outra opção para quem ainda não se sente preparado é simplesmente se preparar, ou seja, realizar cursos, estudar, se informar e principalmente, planejar muito antes para antecipar e prever obstáculos que certamente surgirão no caminho.

Seja qual for a sua opção, não dê ouvidos aos pessimistas e não desista de seus sonhos por conta do medo, que é natural. O mundo é feito pelos que acreditam!

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Agendar ConsultaSeja um franqueado